Sobre contas de agência

Visão geral: as agências de marketing podem mensurar as campanhas que executam para proprietários de aplicativos. A AppsFlyer oferece contas de agência gratuitamente.

Leitura adicional: Contas de agência: primeiros passos

Sobre contas de agência

As contas de agência são usadas por equipes de agências para mensurar campanhas de marketing mobile executadas em nome dos clientes anunciantes (proprietários de aplicativos). 

  • As principais métricas de pré-instalação e pós-instalação estão à disposição para garantir que as agências estejam proporcionando performance ideal em todo o portfólio de clientes.
  • Os dashboards de contas de agência oferecem recursos e conteúdo semelhantes aos dos dashboards do anunciante. Isso inclui os seguintes dashboards:
    • Visão geral de lifetime value
    • Eventos in-app
    • Retargeting 
  • Os KPIs disponíveis incluem impressões, cliques, instalações, fidelidade do usuário, custo e ROI. Sobre o dashboard.
  • Transparência da agência:  Para proteger informações proprietárias da agência, as agências controlam se a fonte de mídia de tráfego é divulgada ou ocultada de anunciantes:
    • [Padrão] Desativado: os anunciantes veem o tráfego gerado pela agência como proveniente de uma única fonte de mídia—a agência.
    • Ativado: os anunciantes veem a identidade da fonte de mídia original.  Definição da transparência
  • Acesso da agência aos dados do anunciante: as agências têm sempre acesso aos dados de tráfego atribuídos à agência. Os anunciantes podem conceder acesso às agências para dados adicionais, por exemplo, dados agregados orgânicos. Veja o acesso aos dados por diferentes tipos de usuários.

Comparando diferentes tipos de contas

Contas de agência x contas de anunciante

  • As contas de anunciantes são voltadas para o aplicativo e o proprietário dos dados. Os anunciantes adicionam aplicativos à sua conta e determinam as permissões de acesso aos dados.
  • Contas de agência são criadas especificamente para as equipes de agência. Elas incluem as ferramentas para mensurar e analisar com eficiência as campanhas de marketing em todo o portfólio de clientes.

As estruturas de conta permitem o compartilhamento de conhecimento entre equipes de agências globais e permitem a medição, cálculos, relatórios e otimização de ROI em nível de grupo.

 

Anunciante

Agência

Implementação a nível de código

Sim

Não; somente promoção do aplicativo

Configurações a nível de conta

Membros da equipe, permissões, configurações, preferências de pagamento

Membros da equipe da agência e suas permissões.

Configurações a nível do aplicativo

Janela de reatribuição, configuração do OneLink, fuso horário, moeda

  • Transparência da agência em relação ao anunciante
  • Todas as outras configurações estão de acordo com as definidas pelo anunciante

Configuração a nível de parceiro integrado

  • Permissões da agência
  • Configuração da ad network
  • Configurações SRN
  • Gerenciamento de link
  • Configuração da ad network
  • Algumas configurações SRN que exigem intervenção mínima do lado do anunciante.
        • Doubleclick do Google
        • Snapchat
        • Tencent

    Outros SRNs precisam ser configurados pelo anunciante para que a agência os utilize.

  • Gerenciamento de link (usando templates definidos pelos Anunciantes)

Funcionalidades adicionais

Sim (algumas, se for parte do plano de assinatura) 

Conforme a assinatura do anunciante e as permissões concedidas à agência (veja a tabela abaixo)

Diferenças entre as contas de Anunciante e de Agência.

Recursos disponíveis para agências

Disponível por definição

Não disponível

Requer permissão do anunciante 

  • Painel de Visão geral do valor do tempo de vida (Life Time Value - LTV)
  • Painel de Eventos in-app
  • Painel de Retargeting
  • Parceiros integrados
  • OneLink*
  • Pull API

* templates do OneLink só podem ser criados pelo anunciante

  • Painel de atividades
  • Painel Personalizado
  • Análise baseada em pessoas
  • Audiences
  • Relatório dinâmico
  • API de push
  • Data Locker
  • Relatórios de retenção
  • Relatórios de coorte
  • Protect360
  • Exportação de dados brutos
  • Dados orgânicos agregados

Conta de agência vs. rede de anúncios

Agência

Rede de anúncios

Parâmetros de links de atribuição para identificação: af_prt

Parâmetros de links de atribuição para identificação: pid

Promove o aplicativo em várias fontes de mídia

Coloca anúncios de aplicativos em sua própria plataforma

Vê apenas o tráfego das fontes de mídia que anuncia

Vê apenas o tráfego de anúncios colocados em sua plataforma

Não pode receber informações em tempo real sobre instalações e eventos no aplicativo via postbacks

Pode receber informações em tempo real sobre instalações e eventos no aplicativo via postbacks

Pode configurar postbacks de eventos in-app para alguns dos parceiros dos quais ele gera tráfego*

Pode configurar postbacks de eventos in-app para qualquer tráfego próprio*

* Requer permissão do anunciante

Diferenças entre contas de agência e contas de ad networks

Contas da agência—campanhas e relatórios

Agência: configurando campanhas

As agências podem mensurar os seguintes tipos principais de tráfego:

Ad networks com autorrelat´ório

Redes com autorrelatório, como Facebook, Google Ads ou Twitter, não usam links de atribuição externos. Ao contrário, cada rede tem seus próprios métodos e APIs que a AppsFlyer usa para comunicar novas instalações, eventos in-app, etc.

SRN

O anunciante deve executar a configuração inicial do SRN

Detalhes

Facebook e Twitter Sim

 

Atenção: esta seção se refere aos anúncios do Facebook. Para atribuição de Facebook Social (posts), leia sobre emMídia Própria.

Importante: Todas as campanhas do Facebook e Twitter devem começar com o nome da conta da agência seguido por "_". O nome é definido na plataforma da AppsFlyer.
As campanhas que não são nomeadas corretamente estão visíveis ao anunciante, mas permanecem invisíveis à conta da agência. O nome da agência diferencia maiúsculas de minúsculas.

 Exemplo

a agencyx executa uma campanha no Facebook chamada agencyx_brilliantcampaign, que está visível para ela.

A agencyz executa uma campanha no Twitter chamada AgencyZ_whathaveidonewrong, mas não vê resultados. Isso acontece porque parte do nome da campanha é diferente do nome da agência definido (A e Z maiúsculas).

Entre em contato com agency@appsflyer.com se tiver qualquer dúvida com relação a este assunto.

Mais detalhes sobre configurações do Facebook e Twitter para agências.

Google Ads Sim Para obter detalhes sobre a configuração de agências para campanhas do Google Ads, clique aqui.
Apple Search Ads Sim Para obter detalhes sobre a configuração de agências para campanhas do Apple Search Ads, clique aqui.
DoubleClick Não Para obter detalhes sobre a configuração de agências para campanhas do DoubleClick, clique aqui.
Snapchat Não Para obter detalhes sobre a configuração de agências para campanhas do Snapchat, clique aqui
Verizon Media (Oath: Plataformas de anúncios / Yahoo Gemini) Sim Para detalhes sobre a configuração da agência em campanhas da Verizon Media, clique aqui.
Configurações SRN

Não-SRNs

Ao contrário dos SRNs, a grande maioria das redes de anúncios usa links de atribuição para fins de atribuição. Esses links de atribuição já são fornecidos nas configurações de cada rede na AppsFlyer e podem ser simplesmente copiados de lá diretamente.

Para as agências, o processo é quase idêntico ao dos anunciantes. Ao ir para a janela de configuração de quaisquer redes de anúncios regulares, o link de atribuição já está lá. A única diferença é a adição automática do parâmetro af_prt ao link de atribuição.

Parâmetro af_prt

O valor de af_prt é o nome da agência. O nome da Agência que é enviado no parâmetro af_prt sempre é convertido para letras minúsculas. 

Ter o af_prt com o nome de sua agência em um link de atribuição que resulta em novas instalações permite atribuir novas instalações à sua conta de agência.

agency-af-prt.png

Sem o af_prt uma nova instalação não pode ser atribuída a qualquer conta de agência e, portanto, ela é atribuída diretamente à rede de anúncios.

Não use os links recebidos do anunciante: certifique-se de usar os links da sua própria conta para evitar a atribuição incorreta.

Caso especial: redes com todas as instalações e todas as inicializações

Alguns não SRNs requerem (ou permitem) que anunciantes enviem a eles postbacks de dispositivos que não estão atribuídos a eles

Rede de todas as instalações
A rede aceita um postback para cada nova instalação de aplicativo, de qualquer fonte 
Rede de todas as inicializações
A rede aceita um postback para cada nova inicialização de aplicativo, de qualquer fonte

Alguns exemplos de redes de todas as instalações são Vungle, Wechat, Startapp, Unity ads, entre outros.

A tabela a seguir mostra a lista completa das redes de todas as inicializações:

Nome da rede PID de rede (nos links de atribuição AF)
Supersonicads (legacy network of ironSource) supersonicads_int
Adelphic Remarketing adelphicremarketing_int
Grow Mobile growmobile_int
ONE by AOL advertising.com_int
Lemmonet Mobile lemmonetmobile_int
Clickky clickky_int
Remerge remerge_int
MyThings mythings_int

Como configurar a atribuição de agência com Redes de todas as instalações/inicializações?

Trabalhar com essas redes implica enviar informações de instalações que não são trazidas pela agência. Portanto, essas redes requerem que o anunciante as configure ANTES de a agência fazê-lo. 

Vamos usar como exemplo a configuração de atribuição de agência com o Tapjoy:

  1. 1. O anunciante acessa a janela de configuração da Tapjoy no painel do anunciante
  2. O anunciante insere o ID do aplicativo Tapjoy, fornecido ao anunciante pelo Tapjoy, no campo de texto app_id
  3. 3. Na guia Integration, o Anunciante acessa Default Postbacks (Postbacks padrão) e seleciona "Launches attributed to any partner or organic"(Inicializações atribuídas a qualquer parceiro ou orgânicas) 
  4. 4. A agência acessa a janela de configuração da Tapjoy no painel da agência
  5. A agência insere o ID do aplicativo Tapjoy, fornecido à agência pelo Tapjoy, no campo de texto app_id

 Nota

A configuração da ad network é visível para as próprias redes de anúncio somente quando o anunciante (proprietário do aplicativo) a configura. Quando a agência ativa e configura a integração das redes publicitárias, a rede vê esta seção como inativa.

  • Mídia própria—OneLink e links personalizados:
    • Sua agência pode atribuir todas as instalações originadas de fontes de mídia que não sejam ad networks, tais como:
      • Endereços de e-mail
      • Banco de dados de usuários
      • Banners de sites
      • conteúdo de mídia social (NÃO anúncios de mídia social)
    • Para atribuir instalações de mídias próprias, você precisa criar um link de atribuição personalizado, que contenha automaticamente af_prt com o nome de sua agência para atribuição correta à sua agência.
    • Links personalizados para múltiplas plataformas (Android e iOS) podem ser criados usando o OneLink, que permite o uso de somente um link para todos os tipos de usuários finais, independentemente do tipo de dispositivo. O OneLink também pode ser usado para links diretos (consulte a próxima seção).
    • A definição do OneLink requer primeiro a criação de um template do OneLink. O template inclui um subdomínio, que também pode ser um Branded Link. Templates do OneLink e Branded Links não podem ser criados por agências, apenas por proprietários de aplicativos. Se você quiser começar a usar o OneLink, escolha uma das opções abaixo: 
      • Use um template existente: ao criar um novo link personalizado, os subdomínios disponíveis e Branded Links são exibidos em um menu suspenso.
      • Entre em contato com o proprietário do aplicativo para que ele possa criar um template para você.
        O proprietário do aplicativo pode criar um Branded Link especial para você.
    • Certifique-se de que você é um parceiro para todos os aplicativos selecionados no template do OneLink.
    • Observação: para que as agências usem um template do OneLink, elas devem ser parceiras para todos os aplicativos no template. 
  • Deep linking:
    • Links diretos são a inicialização de um aplicativo móvel ao abrir conteúdo personalizado e/ou mandar usuários para atividades específicas no aplicativo. Isso pode proporcionar a seus usuários uma experiência superior e aprimorar seu engajamento.
    • Para que os links diretos funcionem, o aplicativo móvel DEVE ser desenvolvido com recursos e infraestrutura de links diretos. Entre em contato com o proprietário do aplicativo para saber se o aplicativo é adequado para links diretos antes de configurar as campanhas.
  • Retargeting:
    • Atribuição de redirecionamento permite segmentar usuários existentes ou antigos em suas campanhas. Campanhas de retargeting geralmente exigem recursos de links diretos para funcionar corretamente.
  • Eventos in-app:
    • Proprietários de aplicativos podem ter vários eventos em seus aplicativos (por exemplo, comprar, assistir a um tutorial, passar de fase etc.) que podem ser gravados e analisados na AppsFlyer. As agências podem ver os dados dos eventos atribuídos a elas na página Eventos de sua conta.
    • Postbacks de eventos in-app: as agências podem ter permissão para configurar postbacks de eventos in-app (incluindo o evento af_app_opened) para ad networks, mediante o recebimento da permissão do Anunciante.
    • As agências podem dar permissão às redes de anúncios para configurar postbacks in-app para si mesmas. A permissão é concedida pelos anunciantes na guia de permissão da agência. 

Relatórios para agências

  • As estatísticas de tráfego são visualizadas e baixadas diretamente do dashboard da AppsFlyer.
  • Os relatórios são acessados por meio da página Exportar Dados no dashboard da AppsFlyer
  • Os seguintes tipos de relatórios estão disponíveis:
    • Agregados
    • Dados brutos
  • Os anunciantes e agências, na maioria das vezes, não podem acessar os mesmos dados no painel, nos relatórios e assim por diante.
  • As agências são geralmente responsáveis por apenas uma parte do tráfego do anunciante, de modo que o acesso das agências aos dados é limitado em comparação com o dos anunciantes.
  • Este artigo detalha essas diferenças. As seções a seguir as destacam

 Nota

Devido aos termos de serviço do Facebook e do Twitter, as agências, que são consideradas terceiros, não têm acesso ao tráfego de relatórios de dados brutos originados no Facebook ou Twitter.

Acesso aos relatórios de desempenho

  • Os relatórios de performance, também chamados de relatórios agregados, estão, por definição, disponíveis para contas de agência. Os seguintes relatórios de performance estão disponíveis no dashboard da Agência:
    • Relatório de desempenho de geolocalização
    • Relatório de parceiros/fonte de mídia
    • Relatório diário
    • Relatório de geolocalização por data
    • Relatório de parceiros por data
  • Leitura relacionada: Agregar relatórios de performance
  • Relatórios agregados para campanhas de retargeting também estão disponíveis.
  • O acesso a relatórios de dados orgânicos agregados requer permissão do anunciante.

Acesso a dados brutos

Os relatórios de dados brutos (relatórios de dados no nível do usuário) contêm informações de atribuição e são divididos em tópicos. Os principais tópicos são:  

  • instalações não orgânicas
  • Eventos in-app não orgânicos
  • Desinstalações não orgânicas
  • Postbacks de instalação
  • Postbacks de Eventos in-app
  • Conversões de retargeting
  • Eventos in-app de retargeting

Acesso ao dashboard de Retenção, Cohort e Protect360

Agências poderem ter acesso aos relatórios Retenção e Coorte e ao painel Protect360. Isso requer que o anunciante ative Permitir acesso aos seus relatórios Retenção e Coorte ou Permitir acesso ao painel do Protect360, respectivamente, na guia de permissões dos parceiros integrados.

Fuso horário e moeda

As agências veem os aplicativos no fuso horário e na moeda definidos pelo aplicativo, mas essas configurações podem ser alteradas apenas pelos anunciantes.

Relatório de custos

As agências podem habilitar Get Cost Data (Obter dados de custo) ao configurar um parceiro integrado que ofereça suporte a dados de custos.

Para ativar Obter dados de custo:

  1. Na AppsFlyer, selecione o aplicativo para o qual você gerencia campanhas.
  2. No painel do aplicativo, clique em Parceiros integrados.
  3. Busque um parceiro integrado que ofereça suporte aos dados de custo

  4. Clique no nome do parceiro integrado para acessar a página de configuração
  5. Alterne para a guia Custo.
  6. Ative Obter dados de custo.
  7. Insira a chave de API deste parceiro

  8. Clique em Save (Salvar).

Acesso e visualização dos dados de custo

Os dados de custo estão disponíveis para a agência nas seguintes fontes de dados:

  • Página de Visão Geral: os dados de custo são visíveis no Relatório de desempenho agregado na página Visão Geral.
  • Relatórios: os dados de custo estão disponíveis nos relatórios exportados, como Instalações sob Relatórios de dados brutos e Parceiros (fontes de mídia) sob Relatórios de desempenho

Acesso aos dados de conta híbrida

Contas híbridas são contas de agência que gerenciam alguns aplicativos como Agência (parceiro de aplicativo) e alguns como Anunciante (proprietário do aplicativo).

Os seguintes recursos no nível da conta têm disponibilidade limitada:

  • Painel personalizado: não disponível para agências e contas híbridas.
  • Relatório de coorte: disponível mediante permissão do anunciante.
  • Protect360: disponível com a permissão do anunciante.

Se você possui uma conta híbrida, ela pode aparecer no seu painel, mas você receberá um erro 404 ao tentar abri-la.

Se você deseja usar esses recursos, é recomendável abrir uma nova conta de anunciante e separar seus aplicativos de anunciante e agência.  Os recursos mencionados acima estarão disponíveis na sua conta de anunciante, se você os tiver habilitado.

Este artigo foi útil?

Artigos nessa seção