Contas da agência: introdução

Visão geral: configure uma conta de agência e comece a mensurar as campanhas dos seus clientes.

Template de atribuição da AppsFlyer

Antes de prosseguir, é importante entender como a atribuição da AppsFlyer funciona. Esta seção explica o que acontece desde o primeiro clique ou impressão até a atribuição de uma instalação ou evento, e muito mais.

ua-agency-flow.png
  1. Um anunciante, ou uma agência em nome do anunciante, configura uma campanha com uma determinada ad network, usando links de atribuição da AppsFlyer.
  2. Um usuário clica em um de seus anúncios – por exemplo, um banner ou um link de oferta.
  3. O link de atribuição da AppsFlyer por trás do anúncio é preenchido com informações coletadas durante o clique. Coletamos as informações do link de atribuição e as armazenamos em nosso banco de dados.
  4. O usuário é redirecionado para uma app store.
  5. O usuário instala o aplicativo e o abre pela primeira vez. O SDK da AppsFlyer dentro do aplicativo chama nossos servidores com as informações sobre o dispositivo no qual o aplicativo está instalado.
  6. Combinamos esses dados ao nosso banco de dados de cliques usando nossos métodos de atribuição.
  7. Se encontrarmos uma correspondência, atribuiremos a instalação ao clique. Caso contrário, atribuímos a instalação a um download orgânico.
  8. Depois que a instalação é atribuída, exibimos esses dados nos dashboards e relatórios do anunciante e da agência (exceto Facebook e Twitter).
  9. Em seguida, enviamos um postback com os detalhes da conversão para a ad network, que pode usar essas informações para otimização adicional.

Função da agência na cadeia de atribuição mobile

Um anunciante, que é o proprietário do aplicativo, integra o SDK da AppsFlyer dentro do app para quantificar seu esforço de marketing.

Alguns proprietários de aplicativos optam por contratar agências de marketing para executar campanhas de anúncios em seu nome. Para isso, a agência deve ter uma conta da AppsFlyer, e os anunciantes devem permitir que a agência tenha acesso aos seus aplicativos.

Portanto, a agência tecnicamente não é proprietária dos aplicativos, mas apenas os promove nos canais de marketing com os quais trabalha, sem o envolvimento técnico, como a integração com o SDK. Dependendo do conjunto de permissões dadas por um anunciante, uma agência pode ter controle sobre uma série de funções.

Quando uma instalação é atribuída a um anúncio colocado por uma agência, ela é exibida no dashboard da agência. O proprietário do aplicativo também o verá e saberá que ela foi atribuída à agência.

Observação: se sua empresa for proprietária do aplicativo ou gerenciar o desenvolvimento e o marketing dele, é necessário abrir uma conta de anunciante.

Este artigo foi útil?